Smartwatch: como escolher o ideal
5 (100%) 1 vote

O avanço da tecnologia proporcionou a melhoria para muitas coisas.

Uma delas é praticidade de ter em apenas um aparelho tudo que alguém precisa durante o dia a dia.

Já sabe do que estou falando? Isso mesmo, os celulares surgiram para solucionar as nossas vidas. 

Acessórios como relógios, depois da popularização dos celulares, parece meio sem sentido e utilidade.

Já que, com os smartphones é possível ver o horário, a data e muito mais coisas.

Mas quem pensou que isso culminaria o fim dos relógios, se enganou feio. 

Assim como seus ponteiros, os relógios não pararam a sua evolução.

Acompanhando o avanço da tecnologia, surgiram os smartwatch – os relógios digitais.

Um dos pioneiro no desenvolvimento desses dispositivos foi a Apple Watch, que após seus lançamentos serviram como inspiração para milhares de outras empresas e pessoas.

Evolução do Smartwatch

A primeira geração do smartwatch tinham como função mostrar as notificações recebidas no smartphone.

Desse modo, seu funcionamento dependia da conectividade com o aparelho celular.

Com o seu crescimento, os relógios digitais passaram a ser independentes, apresentando conexão própria com fones de ouvido e smartphones.

Como escolher o melhor smartwatch

Na hora de comprar um relógio digital alguns aspectos e critérios podem ser levados em consideração, para a seja escolhido a melhor opção.

O primeiro ponto a ser analisado é a conectividade com o celular. Como já foi comentado, a geração atual dos smartwatch são independente, funcionando por si só.

Apesar disso, quando conectado a um aparelho celular, o dispositivo poderá ser mais útil.

A resistência a água também deve ser outro critério.

Por ser um acessório, é importante que o relógio digital não seja sensível a água, podendo servir utilizado em mergulhos, por exemplo.

Cada aparelho possui a sua capacidade de imersão em água, que deve ser informado no manual do aparelho.

Confira algumas das capacidades do dispositivo em contato com a água sem que comprometa a sua funcionalidade.

  • 30 metros: suporta respingos de água, por exemplo, contato com a água ao lavar as mãos ou chuva;
  • 50 metros: suporta um contato maior com a água, por exemplo, lavagem do seu carro;
  • 100 metros: suporta contato com piscina e o mar, durante períodos mais longos;
  • 150 metros: suporta mergulhos em profundidades maiores – com o uso de equipamentos, além de permitir praticar esportes aquáticos;
  • 200 metros: possui um nível de resistente elevado, permitindo mergulhar com equipamentos em grandes profundidades.

A bateria também deve ser levada em consideração. Inicialmente, os relógios digitais não apresentavam baterias com boa duração.

Atualmente, esse aspecto melhorou consideravelmente, portanto, invista em dispositivos com duração prolongada.

É importante lembrar que a duração da bateria do aparelho, também é influenciada pelo tempo e modo de uso do dispositivo.

Para que o aparelho tenha uma longa vida útil, além dos cuidado necessário por parte do usuário, também é recomendado prestar atenção na qualidade do material usado para a produção do relógio.

Confira quais os componentes empregados na produção da tela e nas demais partes do aparelho.

A funcionalidade e aplicativos disponíveis no relógio também são aspectos importantes.

Portanto, confira qual o sistema operacional do aparelho e a disponibilidade de instalação de aplicativos.

Por fim, o custo e benefício também devem ser levados em consideração.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui